• PT
  • EN

URSA Mini Pro 12K anunciada pela Blackmagic Design

Nova câmera digital cinematográfica com um sensor de imagem 12K 12.288 x 6.480 Super 35, 14 stops de faixa dinâmica com até 60 fps em 12K com 80 megapixels por quadro

A Blackmagic Design anunciou a URSA Mini Pro 12K, uma nova câmera digital de terceira geração que suporta a nova ciência de cores Blackmagic de quinta geração e desempenho Blackmagic RAW otimizado, tudo no premiado corpo de câmera da URSA Mini Pro, afirma a empresa em comunicado.

A URSA Mini Pro 12K estará disponível em julho. “A superamostragem de 12K oferece aos clientes imagens 8K e 4K superiores com tons de pele suaves e o extraordinário detalhamento das câmeras fotográficas de ponta. Os clientes podem filmar a 60 fps em 12K, 110 fps em 8K e até 220 fps em 4K Super 16. A URSA Mini Pro 12K inclui um encaixe PL intercambiável, além de filtros ND integrados, gravadores de cartões SD UHS-II e CFast, uma porta de expansão USB-C SuperSpeed e muito mais”.

A resolução da URSA Mini Pro 12K “vai muito além da película cinematográfica. Os clientes obtêm os benefícios da gravação em filme incluindo detalhes incríveis, ampla faixa dinâmica, além de cores ricas e profundas. Isso é perfeito para longas-metragens, séries televisivas e grandes formatos de imersão, como IMAX. A definição incrível em torno de objetos torna a câmera ideal para trabalhos com telas verdes e efeitos visuais, incluindo a composição de ação real e CGI ao vivo. A resolução e as cores superiores não são as únicas vantagens da superamostragem de 12K para os clientes, já que ela também gera uma suavidade ao tornar o serrilhamento invisível”.

A Blackmagic URSA Mini Pro 12K inclui “um novo sensor revolucionário com uma resolução nativa de 12.288 x 6.480, ou seja, uma quantidade impressionante de 80 megapixels por quadro. O sensor Super 35 possui incríveis 14 stops de faixa dinâmica e ISO nativo 800”. O novo sensor 12K possui quantidades iguais de pixels vermelhos, verdes e azuis e é otimizado para imagens em múltiplas resoluções. Os clientes podem gravar 12K a 60 fps ou utilizar o redimensionamento interno do sensor para conseguir gravar 8K ou 4K RAW URSA Mini Pro 12K em até 110 fps sem recortar ou alterar o campo de visão. O encaixe de lente intercambiável da URSA Mini Pro permite que os clientes escolham a mais ampla variedade de lentes cinematográficas vintage e modernas para que possam captar cada grama da característica e detalhamento de suas objetivas favoritas.

A empresa afirma no comunicado que o sensor da URSA Mini Pro 12K e o Blackmagic RAW foram desenvolvidos em conjunto para facilitar os fluxos de trabalho em RAW de 12 bits. Como um codec incrivelmente eficiente de próxima geração, o Blackmagic RAW permite que os clientes gravem em 12K e editem em um laptop, uma funcionalidade que é simplesmente impossível com outros codecs. Com a enorme resolução do sensor, os clientes podem reenquadrar planos cinematográficos na pós para entrega em 8K e 4K. É como realizar uma filmagem multicâmera com apenas uma câmera. Além disso, ela também é perfeita para belíssimos vídeos verticais e quadrados. O design avançado do sensor e o Blackmagic RAW possibilitam que os clientes trabalhem em qualquer resolução na pós-produção instantaneamente, sem renderizar, mantendo a precisão total das cores do sensor.

“Somente o Blackmagic RAW torna imagens de 12 bits com qualidade cinematográfica e 80 megapixels a 60 fps uma realidade. As opções de qualidade constante Q0 e Q5, e os novos níveis Q1 e Q3 fixam o nível de qualidade, permitindo que a compressão se adapte de acordo com os detalhes da cena. As opções de codificação com taxa de bit constante 5:1, 8:1, 12:1 e a nova opção 18:1 foram desenvolvidas para oferecer aos clientes as melhores imagens possíveis com tamanhos de arquivo previsíveis e consistentes. Os clientes podem gravar RAW em dois cartões simultaneamente, assim podem gravar 12K ou 8K em cartões CFast ou UHS-II, mesmo com taxas de quadro elevadas. O Blackmagic RAW armazena os metadados de câmera, dados da lente, balanço de branco, informações da claquete digital e LUTs personalizadas para assegurar a consistência das imagens no set e durante a pós-produção”, explica a empresa.

A ciência de cores Blackmagic de 5ª geração inclui “uma nova curva de filme desenvolvida para aproveitar plenamente a enorme quantidade de dados de cores do novo sensor da URSA Mini Pro 12K. Ela oferece uma resposta de cor ainda melhor para tons de pele mais aprazíveis e renderização otimizada de cores altamente saturadas, como sinais de néon e faróis de veículos em cenas de alto contraste. A ciência de cores de 5ª geração informa o complexo processamento de imagem do Blackmagic RAW, de modo que os dados de cores e faixa dinâmica do sensor são preservados por meio de metadados que podem ser usados na pós-produção. Compatível com todos os arquivos Blackmagic RAW anteriormente gravados, a ciência de cores de 5ª geração permite que os clientes tirem vantagem da nova curva de filme mesmo em seus trabalhos atuais”.

Assim, explica a empresa australiana, “a URSA Mini Pro 12K reúne múltiplas câmeras em uma, gravando resoluções e taxas de quadro padronizadas em 4K, 8K e até em 12K absurdamente detalhado. Com uma quantidade enorme de 80 megapixels por quadro a 60 fps em RAW, os clientes podem captar planos estáticos e em movimento perfeitos com uma única câmera ao mesmo tempo. Os clientes podem gravar até 60 fps em 12K 12.288 x 6.480 17:9. Para taxas de quadro mais altas, os clientes podem gravar 110 fps a 8.192 x 4.320, 140 fps a 8.192 x 3.408 e até aplicar janelamento Super 16 ao sensor para captar 4K em incríveis 220 fps a 4.096 x 2.160 DCI. A URSA Mini Pro 12K inclui opções flexíveis para resolução e taxas de quadro, além de captar com renderização de movimento otimizada, o que oferece aos clientes arestas mais suaves em 8K e 4K, inclusive em taxas de quadro mais baixas”.

O URSA Mini Pro é um gravador de alta largura de banda superior com três opções de gravação em 12K, que comporta quase dez vezes mais do que a resolução Ultra HD. Os clientes obtêm gravadores duplos para cartões SD UHS-II e CFast, além de uma porta de expansão USB-C SuperSpeed para gravar em unidades SATA e NVMe rápidas. Com o recurso “Record RAW on 2 Cards” habilitado, a URSA Mini Pro 12K pode gravar simultaneamente em dois cartões em até incríveis 900MB/s em dois cartões CFast, ou impressionantes 500MB/s em dois cartões SD UHS-II. A porta de expansão USB-C SuperSpeed traseira pode gravar em armazenamento flash USB-C em até 900MB/s como uma terceira opção de gravação para que não faltem escolhas aos clientes quando captarem imagens 12K impressionantes de até 60p ou 8K de até 110p.

Projetos diferentes exigem lentes diferentes e é por isso que a URSA Mini Pro inclui um encaixe de lentes intercambiável. Os clientes podem alternar rapidamente entre lentes de montagem PL, EF e F na URSA Mini Pro 12K, além de lentes B4 na URSA Mini Pro 4.6K G2. Isso significa que os clientes podem trabalhar com lentes de alta qualidade, como as cinematográficas PL maiores, fotográficas de montagem EF ou F e inclusive lentes broadcast B4, tornando a URSA Mini Pro compatível com a mais ampla variedade de lentes profissionais.

O equipamento inclui uma porta de expansão USB-C de alta velocidade inovadora. Enquanto o modelo 4.6K G2 inclui USB-C 3.1 de primeira geração que opera em até 5 Gb/s, o novo modelo 12K inclui uma USB-C 3.1 de segunda geração para impressionantes 10 Gb/s. Os clientes podem conectar e alimentar unidades flash externas e SSDs, além do novo URSA Mini Recorder, que grava em drives SSD NVMe rápidos para tempos de gravação mais longos com a URSA Mini Pro 12K. As unidades SSD NVMe são ideais para filmar em 12K com a configuração de qualidade constante mais alta, Q0, em Blackmagic RAW de 12 bits ou para taxas de quadro elevadas. E o melhor de tudo, quando a gravação terminar, basta os clientes conectarem a unidade externa aos seus computadores e começarem a editar a partir da mesma unidade, dispensando a cópia de arquivos.

A câmera chega com uma versão completa do DaVinci Resolve Studio. O novo Blackmagic URSA Mini Recorder permite que “os clientes gravem arquivos Blackmagic RAW de 12 bits em SSDs de 2,5 polegadas rápidos, incluindo os SSDs NVMe Enterprise U.2 mais recentes. SSDs como as unidades NVMe U.2 de 7mm são super-rápidas, oferecendo velocidades de transferência de dados de até 900 MB/s. Esse desempenho impressionante garante tempos de gravação mais longos aos clientes para arquivos Blackmagic RAW de 12 bits em 4K, 8K e 12K de resolução máxima com a codificação Q0 de qualidade superior. O design original do Blackmagic URSA Mini Recorder possibilita o encaixe direto na traseira da URSA Mini Pro entre a câmera e a bateria. Ele é controlado por USB-C, assim os clientes não precisam iniciar ou parar o gravador SSD manualmente”.

“Com a Blackmagic URSA Mini Pro 12K, nós avançamos a nossa tecnologia de imageamento para uma próxima geração onde novos estilos de filmagem serão possíveis”, disse Grant Petty, diretor executivo da Blackmagic Design. “O sensor 12K não é a única inovação nesta câmera, há tantas outras. Partindo da ciência de cores de quinta geração, o redimensionamento interno do sensor, novo padrão simétrico de cores, qualidade RGB completa e, obviamente, a resolução 12K. Será muito interessante ver o que os diretores de fotografia criarão com esta tecnologia!”